Além de Salém - Alemdesalem.com.br

Spirit Dolls por Guiana Strieder Lima

Entrevista com a ocultista convidada: Guiana Strieder Lima, idealizadora da Floresta das Bruxas, Escola de Cárias e mestre em Spirit Dolls

Desde lançamos os Spitit Dolls Além de Salém, temos recebido diariamente uma série de e-mails e mensagens através das redes sociais. Este é um tema ainda muito novo para alguns, que aguça a curiosidade, bem como o interesse real pela boa prática.

CONTINUE APÓS PUBLICIDADE

Sorteio da lolafá

Publicidade

Afim de compartilhar conteúdo com nossos clientes e leitores, preparamos este segundo artigo sobre Spirit Dolls, agora, sob a visão e técnicas da ocultista Guiana Strieder Lima, que gentilmente nos concedeu uma entrevista exclusiva, falando da sua jornada mágica e fornecendo material didático do curso que ministra a respeito do tema Spirit Dolls.

Por Guiana Strieder Lima

O texto abaixo foi retirado da apostila do curso de Spirit Dolls, conteúdo exclusivo autorizado pela autora.

O que são Spirit Dolls?

Spirit Dolls, são as bonecos que atuam como receptáculos para espíritos ou elementais que podem ser requeridos para uma ampla variedade de propósitos. A história desses cativantes bonecos se perde no tempo, assim como sua origem é desconhecida.

Os Spirit Dolls “bonecos espíritos” criados com uma intenção, seja ela para qual finalidade for, em muitas tradições utilizam elas como corpos transitórios para determinadas energias ou seres, se tornam basicamente receptáculos para as energias que você deseja atrair e trabalhar. Eles podem ser feitos dos mais diversos materiais que variam de acordo com a intenção que se deseja direcionar.

Spirit Dolls Além de Salém Copyright Miss Lorraine – Sir Herman

Um Spirit Doll deve ser desperto e direcionado para o intento que se deseja, ele se torna um guardião daquela energia ou pedido. Eles podem ser utilizados para as mais diversas finalidades como para amor, proteção, prosperidade, para representar Deuses ou pessoas. Os SD são grandes aliados quando dedicamos atenção e magia a eles, pois são grandes catalisadores de energias e influências negativas e positivas variando de acordo com o seu despertar.

O que se deve saber antes de trabalhar com um Spirit Doll

Guiana S Lima explica que não é tão simples trabalhar com um Spirit Doll, deve-se ter responsabilidade e conhecimento da prática, afim de evitar erros primários, que acarretam em possíveis transtornos.

Além da técnica correta, o praticante deve ter ciência sobre a necessidade da manutenção do instrumento, afinal ela recebe uma carga vibratória no instante de sua ativação.

Spirit Doll Copyright Além de Salém Confecção exclusiva

Um SD de proteção por exemplo, não deverá ser ativado e logo depois esquecido num armário ou num canto qualquer. Pois ele foi trabalhado para agir a favor de seu mestre e retém em si muito mais que um comando, mas também energia vital.

Os SD devem ser alimentados, mas isso não significa que você terá que preparar literalmente alimentos. Isso funciona como uma recarga energética, que poderá ser adquirida através de elementos naturais como raios de sol, lua, chuva, terra, cristais, óleos essenciais e obviamente com o magnetismo energético do praticante.

Um cuidado importante, é não ‘alimentar’ este instrumento com energias negativas, como medo, ódio, raiva entre outros. Da mesma forma que deixar de alimenta-las poderá trazer transtornos e até mesmo ser vampirizado.

Spirit Doll Copyright Além de Salém Confecção exclusiva

Quando lidamos com energia, devemos ‘limpar’, ‘energizar’, ‘revitalizar’ e equilibrar o objeto ou espaço com quais estamos trabalhando algum intento, e isso não seria diferente com um SD.  O uso de incensos, defumação com ervas deverá ser feito periodicamente, além da conexão diária que não poderá ser esquecida.

Fonte de poder ao dispor do praticante

Os SD podem e são servidores mágicos poderosos a dispor de seu mestre. Eles atuam com eficiência em situações pré-determinadas e desempenham seu trabalho das mais variadas formas. O exercício ‘forma e pensamento’ deve ser trabalhado e aperfeiçoado para que os resultados sejam promissores.

A noção destes bonecos é proveniente da Magia do Caos, e sua técnica é voltada para experiências reais de manipulação e materialização de energia.  Voltamos a dizer que é uma prática que requer estudo, disciplina, equilíbrio e responsabilidade. Pessoas sem preparo podem se desesperar perante uma manifestação de materialização.

Outra orientação de Guiana, é de que os SD devem estar fora do alcance de outras pessoas, que precisam ter seu lugar próprio e jamais serem tratados como brinquedos.

A confecção e ativação de um Spirit doll

São diversas as técnicas utilizadas na confecção destes instrumentos. O praticante deverá trabalhar com consciência e responsabilidade, respeitando ciclos e canalizando energia.

A ativação é mais complexa, ela deverá ser feita através de uma cerimônia ritualística, através de conexões, sigilos, elementos específicos e ritos de evocação.

Entrevista com Guiana Strieder Lima

Agora que já sabemos um pouco mais sobre este instrumento poderoso, vamos conhecer a idealizadora da Escola de Cárias que nos concedeu gentilmente seu material; Guiana Strieder.

Guiana Stieder

AS: Há quanto tempo estuda e pratica o paganismo?

R: Sou pagã desde sempre! nasci em lar pagão, mas comecei as práticas bem cedo, aos 13/14 anos.

AS: Por qual vertente deu início aos estudos?

R: Iniciei por estudar as ervas e suas ações para cura, sempre achei maravilhoso saber que não precisava necessariamente de remédios quando a natureza me dava tudo!

AS: O que mudou na sua vida social e familiar após a dedicação ao paganismo?

R: Quando era adolescente foi mais difícil, porque era vista como a ‘filha da bruxa’, era tipo: tinha amigas, queria estar com elas mas as mães diziam para elas que não deveriam se aproximar de mim,  que eu era estranha, que era filha de bruxa, do diabo… enfim…! Porém a idade adulta vai chegando e fui observando que esse era um ‘problema’ que estava nos outros e não em mim! Que eu tinha liberdade para agir e pensar, que a minha família me respeita, os amigos sabem que sou pagã e não vejo maiores problemas hoje! claro que vai existir sempre alguém que te aponte : lá vai a bruxa! hahahahahahahhaha mas isso pra mim é até uma forma de dizer: sim, elas existem! hahahahahahahhaha !

AS: Cite os três pontos mais importantes de sua jornada no ocultismo

R: O trabalho sério que é realizado no ocultismo, os resultados rápidos e o conhecimento mais ampliado da consciência e ação da minha missão aqui.

AS: Quais são suas metas com os cursos ministrados?

R: Pretendo ter um espaço físico para ministrá-los, esse é um sonho e uma meta! Existe muita procura e gosto de trabalhar presencialmente, porém tenho alcançado algumas metas, por exemplo: Abrir o caminho para outros ocultistas/pagãos acreditarem que também podem trabalhar e realizar suas missões neste mundo.

Guiana Stieder

AS: Quais são suas maiores dificuldades no contato com leitores/seguidores nas redes sociais?

R: Tenho e procuro ter muita proximidade com eles, os chamo de irmãos e é assim que os sinto. Me importo com a necessidade e vida de cada um daqueles que estão ali e que também me procuram! Sempre tenho um tempo no dia para respondê-los e gostaria de poder resolver todos os problemas daqueles que me solicitam ajuda, mas sabemos que não é assim. Nesse momento dou uma palavra, invisto mais tempo em uma conversa amiga. Até hoje não passei ou senti alguma dificuldade, busco estudar sempre e trazer conteúdos que eles precisam.

AS: Quais são suas fontes de pesquisa?

R: Infelizmente na área temos poucas fontes traduzidas, no tocante a livros por exemplo, então senti a necessidade de traduzir para principalmente trazer o conteúdo para a página, mas meu foco e principal fonte de pesquisa são os livros.

AS: Qual mestre do ocultismo é sua principal inspiração?

Nossa, são tantos… temos muitas vertentes no ocultismo, mas eu poderia citar um que não tem livro publicado, mas que é uma fonte de sabedoria e aprendizado pra mim: Meu mestre Magnus D’apsu.

AS: Quais são suas deidades de trabalho e porquê?

R: Lúcifer, Hekate, Baphomet, Baal, entre outros…! Sou luciferiana e trabalho com a força dessas divindades e também com os que fazem parte da gama hierárquica desta egrégora. Trabalho com eles porque acredito na energia e força deles, da luz que trazem aqueles a que se propõe ouvi-los, sem a mancha do preconceito instituído pelo patriarcado cristão.

AS: Guiana por Guiana?

R: Bom, me considero hoje uma pessoa melhor que ontem e amanhã serei melhor que hoje para o mundo em que vivemos. Busco o contato e a ligação com o que sempre esteve aqui: A natureza, ela é uma das minhas maiores fontes de aprendizado. As forças da natureza nos mostram o quanto podemos e devemos ser fortes também diante do caos que se vive. Busco aprimoramento constante para minha atuação na arte, mas principalmente meu crescimento espiritual, na relação com os irmãos neste planeta, sejam plantas, animais e hominais. Busco me compreender para poder compreender melhor o outro.

AS: Quais são seus planos para o futuro?

Meus planos são muitos, hahahahahahahhaha, minha cabeça não para. tenho muitos projetos e um deles é o espaço físico da casa da floresta (@florestadasbruxas) para receber as pessoas que precisam e também as que buscam o conhecimento no ocultismo, luciferianismo e paganismo obviamente! Ahhh e publicar meu livro! existem estórias que precisam ser contadas! hahahahahahahhaha ! obrigada ! abençoada seja sempre ! amei responder !! falar sobre o assunto. obrigada mesmo!!

Considerações finais e nosso agradecimento à convidada

Agradecemos o carinho e comprometimento de Guiana Strieder Lima, que se prontificou a nos enviar seu material de trabalho. Agradecemos pelo conteúdo extremamente importante para quem busca conhecer o tema e principalmente os cuidados que devem ser tomados.

Nós não vamos postar o ritual em respeito aqueles que ainda não possuem preparo suficiente e podem realizar inconsequentemente este ritual. nosso foco está em informar o leitor e prepara-lo para que suas ações magicas sejam as mais acertadas e benéficas possíveis. Para SD de conexão e canalização (não receptáculo), temos um ritual no primeiro artigo sobre Spirit Dolls.

Para quem busca conhecer e seguir Guiana, seus contatos são através do Instagram @florestadasbruxas, uma página dedicada a sua ritualística e segmento, qual é a idealizadora.

Conheça as Spirit Dolls Além de Salém! Feitas sob encomenda ou aquisição através das disponíveis na Loja. Cada uma tem sua própria história, energia e peculiaridade!

Acompanhe nossa página no Facebook e fique por dentro de todas as nossas postagens e matérias. Visite nossa Loja Virtual e confira nossa variedade de produtos exclusivos para Magia Cerimonial e Ritualística! Postamos diariamente no Instagram, onde você será muito bem vindo.

Bênçãos e Luz, família Além de Salém